Que idade tem o meu filho?

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Equilíbrio Emocional


Com a correria do dia-a-dia e os problemas que vão aparecendo sem esperarmos, o stress acaba por invadir-nos, alterando por vezes o nosso estado de espírito.
Com o tempo e com situações que já aconteceram na minha vida, tenho vindo a lutar nos últimos anos, e ainda mais desde que sou Mãe, para não perder o equilíbrio emocional, que considero bastante importante para o meu bem-estar e o das pessoas com quem convivo.
O mundo, infelizmente, está a atravessar uma crise geral e cada vez as pessoas andam mais stressadas, ansiosas, preocupadas e revoltadas...
Para sabermos controlar-nos neste momento tão delicado, é muito importante mantermos o nosso equilíbrio emocional, para mais facilmente conseguirmos aguentar as contrariedades da vida e darmos a volta às coisas de forma positiva.


E como nos devemos controlar emocionalmente?

Deixo aqui umas dicas, que li algures e que tento sempre seguir, mesmo que, por vezes, seja difícil:

1. Não responda automaticamente diante daquilo que o incomoda. Embora no começo pareça artificial e você não se reconheça, dê um tempo para pensar como reagir e o que dizer. É o primeiro passo e, talvez, o mais difícil.

2. Tire do seu vocabulário frases como "nunca" e "sempre". Quando você se comporta como se nunca pudesse fazer algo ou sempre faz de tal maneira, você demonstra ser inflexível, desproporcionando uma série de novas oportunidades.

3. Diante de situações de tensão, se você sentir que não domina a sua raiva, saia do lugar em que estiver, vá caminhar ou, simplesmente, fique um tempo só e reflicta. Procure reconhecer qual é a verdadeira razão desse sofrimento.

4. Aprenda técnicas de relaxamento que ajudem a controlar o seu carácter ou faça actividade física, que além de ajudar a sua saúde, liberta as tensões acumuladas na actividade diária.

5. Equilibre o trabalho com o lazer, aprenda a desfrutar da vida escolhendo actividades que façam você se sentir bem. Coloque o foco no que deseja fazer e não deixe para depois. O excesso de trabalho e de tensões, sem pausas reconfortantes, aumentará a sua susceptibilidade e, portanto, a sua impulsividade.

6. Perceba quais são as suas verdadeiras vontades e vá ao encontro delas. Escreva os seus sonhos ou projectos ainda não concretizados. Planeje-os. Estabeleça prazos para realizá-los e comece a perceber que os seus esforços estão a dar resultados.

7. Jamais responda a uma proposta sem antes pensar nos seus prós e contras. As importantes decisões devem ser tomadas depois de balancear todas as suas consequências.


Queridos Amigos,

Não desistam dos vossos sonhos e procurem sempre estar bem convosco mesmos e com a vida.
Se sorrirmos para a vida, ela nos sorrirá!
Muita Energia Positiva para todos vocês!
Resto de boa semana e bom fim-de-semana com muito carinho, paz e alegria no coração.
Beijinhos carinhosos e abraço meiguinho.

Pipinha

14 comentários:

mariam disse...

Pipinha,

É assim mesmo! muita energia positiva! Obrigada p'las partilhas...

deixo uma mão-cheia de cerejas e o meu sorriso :)
mariam

nota:já estava com saudades deste 'Universo' tão especial... mas tive alguns problemas informáticos rsrs

Filoxera disse...

Boas dicas. Compete a cada um de nós encontrar as suas próprias fõrmas de equilíbrio.
É que por vezes a vida complica-se mais do que alguma vez poderíamos imaginar. E por demasiado tempo. As coisas não acontecem só aos outros.
Lamento é quando ouço as pessoas dizerem: "eu não teria conseguido, não teria aguentado". Aguentamos e conseguimos dar a volta se formos muito determinados.
Beijos, amiga.

Mentuhenhat disse...

Namasté, Pipinha!...

Obrigado pela sua presença naquele espaço que é sempre seu...
Está lá uma prova de Amor e Luz para si...

O meu Abraço de Luz!...

Nilson Barcelli disse...

Olhar a vida de uma forma positiva é meio caminho andado para tudo correr melhor.
Gostei dos conselhos, são mesmo acertados.
Querida Pipinha, uma excelente semana para ti.
Beijo.

Laura disse...

Minha querida Pipinha, na verdade já andava em busca de ti, como não te tenho linkada e mal te via por aí, o tempo foi passando e meses já passaram...
Lá vamos indo tentando sorrir a todo o instante, das tais rasteiras que a vida nos dá, mas, por vezes é dificil... é a vida em si, são sentimentos malbaratdos, é tudo, e tudo a vida nos vai dando e tirando, sonhemos ou não. Dediquei-me a sonhar, a sonhar mais alto, porque sempre entendi que sonhar por sonhar, que seja com coisas boas (não falo de bens materiais, isso não) e...lá vamos indo como soe dizer-se...
Aprendi também que temos de ter as chuteiras sempre calçadas e as joelheiras prontas para os momentos em que vamos chutar ou aparar uma queda... tem de ser. senão nem haverá sonho que nos valha.
Lá continuo com o surfista muito alegre, mas, um cadinho receosa porque essa de perceebr as vogais e consoantes ja transformadas em palavras, é dificil...o resto é um encanto...tenho de te rlições e nem estou a conseguir, vejamos o que aminha médica de familia me vai dizer...sobre uma terapeuta que pedi,a qui, porque ir a Coimbra mais vezes por mês equeivale a mais stress para mim...
Beijinhos muitos, para ti, nino e alto astral, sonhando sempre para o ALTO!...laura

Sereia* disse...

De regresso depois de viagens de vida... venho deixar um sorriso :)

só porque não me esqueço dos amigos, mesmo longe*

Em breve mando notícias mais detalhadas por outros meios. Tenho saudades*

Pjsoueu disse...

Pipinha...

"Se sorrirmos para a vida, ela nos sorrirá"

Que a vida te sorria sempre, apaixonada pelo teu sorriso, vindo da ternura dócil do teu coração...

beijos

Pj

Laura disse...

Minha querida, acredita que hoje passei a manhã e mais umc adinho da tarde de tão baixo astral que até me admirei de estar assim...De tarde fui coser uns vestiditos que tinha para arranjar, e, comecei a sentir-me melhor, mais animada, com vontade de ficar bem (há que ajudar!) Dali a nada estava óptima como se diz... Fui buscar o telelé que tinha deixado em cima, no quarto, vejo uma mensagem, abro, e, mas que maravilha... Já sei proque me senti assim tão bem, tão bem, porque uma pipinha querida se lembrou de me manda ruma sms cheia de amor, carinho e palavra slindas, ora pois, foi isso, só podia memsos er assim...e dai até aqui, o bom astral mantém-se...Obrigada minha querida pelo carinho enviado...Que ELE te retribua com muito mais...Laura.

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Pipinha,

Deixei-te um grande comentário e perdi-o !
grrrrrrrrrrrrrrrrr !
Como tenho bastante dores hoje, não tenho coragem de recomeçar...
Só queria dizer-te que se não conheces o cantor do meu penúltimo post, é porque és uma miúda !
É normal ! É um cantor para cotas como eu....

Beijinhos

Verdinha

Maria Soledade disse...

FOOOOOOGOOOOO!!!!!!!!!!!!!!!!!

Tive eu paki a escrever horas e esta m**** não entrou!!!!!!!!!!!! Foi à vida!!

Agora vou ver se entra pelo menos um beijão gande

Maria Soledade disse...

Só me apetece partir es GANDE PORCARIA!!!!!!!!

Mal venha a porra do técnico eu repito tudo...mais ou menos claro!!!

Bem, lá vou eu ver se entra...

Pai Nosso que estais no Céu...só mesmo já a rezar!!!!!!!!!!!!

SAM disse...

Querida amiga...Como te entendo, viu? Todos diferentes e todos iguais....Fico como voce e reajo da mesma forma. Me recolho...Mas não nos falta a capacidade e a fé para sairmos de situações desconfortáveis. Tanto é que neste texto tem várias praticas saudáveis. E como voce, procuro pratica-las. E tudo passa, Pipinha... Me identifico muito com voce, amiga.


Enorme abraço e muitos beijos, com carinho.

Laura disse...

Um Bom Dia, cheio de sol, apesar de já parecer Outono nas manhãs deste tempo ainda Verão... Bom dia sim, bom dia sempre, para ti e todos os que como nós, buscam a perfeição de todos os Seres, para que a vida nos sorria no futuro...

Estou cheia d eme rir com o comentário d anossa querida Soledade, e adoro quando ela me chama de xopita, adoro quando escreve esse nome, porque me cai bem, ah, aquela nina Soledadinha que eu já conheço, que é magrinha, magrinha, pequenina, uma autêntica boneca... um SER de LUz tão grande, grande...e que me faz rir, rir muito...
Eu também sou pequenita, metro e meio apenas, mas, cheinha demais...
Beijinhos e um dia feliz..laura.

Laura disse...

Ah, já disse à soledadinha que deviasmos estar juntas, hoje no Bom Jesus a apanhar aquela fresca deliciosa, e almoçar no Hotel do parque...já que nós dua snão trabalhamos, ela tem semrpe as visitas à mãe, sempre, não falha uma, e um dia, havemos de ter tempo, basta que uma se enfie no combóio e tamos ao pé d aoutra e ainda iremos rir juntas, não pode ser só choradeira...merecemos mais que isso... beijinhos meus. laura.